19 fevereiro 2009

CITADINO 2009 - PARTE III

O ponto negativo foi o grande número de cartões vermelhos em todo o campeonato, sendo que só na final foram seis expulsões, 3 para cada lado. Além disso, outros fatos também foram preocupantes, como o princípio de tumulto entre as torcidas do São Paulo e a do Rio Grande, em uma partida em que o São Paulo nem estava jogando, já que a mesma era entre o Rio Grande e o Riograndense e também o empurrão dado pelo goleiro Patrick, do Rio Grande, no gandula no jogo da final, em que o gandula acabou caindo ao chão, podendo até mesmo ter batido com a cabeça na mureta da tela. Um jogador de qualidade como o Patrick e que tem um excelente futuro como atleta não pode estragar sua recente carreira com atitudes lamentáveis como essa. Sem falar é claro nos empurrões e safanões que vários atletas de todas as três equipes andaram trocando.
Mas, não querendo justificar, são coisas que ainda existem no futebol, ainda mais num torneio só de clássicos, em que os ânimos ficam exaltados. Contudo, vale ressaltar que violência não justifica nada, tem que jogar é bola e fazer espetáculo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário